MENU

Alta Floresta - MT

Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017

MPE denuncia deputado e requer perda de mandato por crime ambiental

O Ministério Público requereu junto ao Tribunal de Justiça a suspensão dos direitos políticos do parlamentar

Reprodução

Andréia Medeiros - Assessoria MP/MT

Postada em 26 de Setembro de 2017 às 09h54min

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso, por meio do Núcleo Criminal de Ações de Competência Originária (NACO), denunciou o deputado estadual Ondanir Bortolini “Nininho” e a empresa “Deterra Prestadora de Serviços Agrícolas Ltda”, à época de sua propriedade, por crime ambiental. 


Além da perda do cargo de deputado, o Ministério Público requereu junto ao Tribunal de Justiça a suspensão dos direitos políticos do parlamentar.  De acordo com a denúncia, os réus foram responsáveis pela poluição na Avenida Fernando Correa da Costa, no bairro Jardim Belo Horizonte, em Rondonópolis, por meio do lançamento de efluentes líquidos em solo e em via pública, bem como depositando resíduos sólidos em local impróprio e em desacordo com a legislação ambiental. Os poluentes são oriundos dos óleos utilizados na lavagem de veículos e peças trocadas das máquinas agrícolas. 

A deposição de resíduos no referido local foi constatado em inspeção realizada pelos agentes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, que também lavraram o auto de infração.  Os níveis de poluição causados podem resultar em danos à saúde humana, provocar a mortandade de animais ou a destruição significativa da flora.